#0 I love it! Who did it?

Louis Vuitton - MarcJacobs exhibition at Les Arts Décoratifs

Image from the "Louis Vuitton - Marc Jacobs" exhibition at Les Arts Décoratifs, Paris. // Imagem da exposição "Louis Vuitton - Marc Jacobs" no Les Arts Décoratifs, Paris.

I, MARIA, HEREBY CONFESS. Everyday I see and archive dozens (hundreds?) of images, objects, texts and all sort of somebody else’s creativity. Design, fashion, interiors, photography, illustration, travel, recipes, you name it. I have, at least, one folder for each one of these categories and a whole lot more. Facebook, Ffffound, Pinterest, WeHeartIt, ImgSpark… there are so many searching and sharing platforms that I find myself gathering tons of references, this way or another (magazines, scrapbooks, computer folders!), and then, whenever I need them, BEFORE looking through my libraries, I dwell just a little more in the new ones (as in “the ones that got on the web a few seconds before”) just to MAKE SURE that my database is the most up-to-date of the world wide web! I feel ridiculous. And it is addicting.

One of the consequences of this new pace of the era is that we tend to disconnect more and more from the person behind the image, who made it, who gave origin to the image we are about to keep, what more interesting stuff might she or him have done, where is that person from, how old, alive or not? We simply click “+”, “Add” or “Share” and Neeeeext!, on to another one.

It’s because I miss that exploration of “layers” behind things that I’ve decided to start a new category here on the blog: “I love it! Who did it?” is intended to force me out of this crazy race for the next image and research, from time to time, a little bit more about designers, photographers, stylists, models or whoever makes things I “Like!”.

And if you have any suggestion, please do share. ;)

EU, MARIA, ME CONFESSO. Diariamente, vejo e arquivo dezenas (centenas?) de imagens, objectos, textos e todo o tipo de resultado da criação de pessoas que desconheço. Design, moda, decoração, fotografia, ilustração, viagens, receitas, you name it. Tenho, no mínimo, uma pasta para cada uma destas e para muitas mais. Facebook, Ffffound, Pinterest, WeHeartIt, ImgSpark… são tantas as plataformas de partilha e armazenamento de referências que dou por mim a guardar toneladas de imagens, destas ou doutras formas (revistas, recortes, pastas no computador!) mas quando preciso de recorrer a elas, ANTES vou procurar mais um bocadinho nas novas (“as in” as que entraram nos últimos segundos), para ter a CERTEZA de que tenho a base de dados mais actualizada da web! Sinto-me ridícula. E é viciante.

Uma das consequências deste novo “ritmo” é que tendemos a desligar-nos cada vez mais de quem fez, quem deu origem àquela imagem que vamos guardar, que mais criações interessantes terá essa pessoa, de onde vem, que idade tem, é viva, não é? Simplesmente clicamos no “+” ou no “Add” ou no “Share” e Neeeeext!, passamos para a próxima.

Por sentir falta dessa exploração das “layers” por detrás das coisas decidi inaugurar uma categoria aqui no blog: “I love it! Who did it?” vai ser uma forma de me obrigar a sair da corrida desenfreada pela próxima imagem e investigar, de tempos a tempos, os designers, fotógrafos, stylists, modelos ou quaisquer outros que façam algo que eu “Gosto!”.

E se tiverem sugestões, façam o favor de partilhar. ;)

Advertisements

6 thoughts on “#0 I love it! Who did it?

    • É mesmo! Já tido ido espreitar o blog. Tá muito giro :) e tem fotos mesmo bonitas. Dão vontade de meter as receitas todas em prática! Já tou a seguir o facebook ;).

  1. Eu acho lindamente… apesar de trabalhar com as barreiras da autoria, quando se trata de encontrar e arquivar imagens da web, tento ao máximo guardar essas informações. Seja guardando o próprio site em que encontrei a imagem, seja procurando as letrinhas pequeninas que normalmente ficam por baixo ou na lateral da imagem e copiando essa informação para o próprio nome do ficheiro. =) Adorei!

    • Claro! A minha expert em autoria tinha de ser muito organizada nesse aspecto. ;) Eu também tento, mas é sempre a acelerar. Estou a terminar o primeiro post deste novo desafio e sabe tão bem parar para descobrir mais. Está mesmo, mesmo, a sair do forno, e quero saber a tua opinião!

  2. Pingback: Paris is burning. « Eva Maria

Would love to know your thoughts, please comment. :)

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s